Um encontro com Verissimo

Hoje, ao reler os e-mails que troquei com assessores, jornalistas, fãs e com o próprio Luis Fernando Verissimo, somente hoje, pude sentir a imensidão da Feira do Livro que Rio Negrinho abrigou, mais especificamente o Colégio Cenecista São José, onde trabalho há quase dois anos.

Foi em março que consegui os contatos do maior escritor de humor do Brasil. Primeiro os telefones de sua agência e o da casa. Depois o e-mail. Lembro que somente eu queria uma feira diferente, com algo diferente. Foi muito difícil me conter quando consegui a primeira resposta do próprio. Naquela tarde, quando conversei com os coordenadores sobre a proeza, parece que o tempo parara, nada do que eu faria pelo resto do dia se igualaria àquele e-mail. E o medo? Medo de que tudo não passasse de um trote, medo de que tudo saísse pela culatra.

Quando junho chegou e mais especificamente os dias da feira, 26 e 27, dormir bem para mim não fazia parte de minha rotina. Estava MUITO ansioso! O escritor que eu tanto li e reli estaria aqui, em Rio Negrinho. As mentes literárias mais famosas da região também se fariam presentes.

   

O espaço da Feira estava lindo! Fora os percalços, que fazem parte sempre do espetáculo, tudo saiu como imaginei: a praça de leitura, o espaço na Câmara de Vereadores para a “Mesa Redonda com o Verissimo” saiu mais que perfeito. Fora o que eu não planejei: o maravilhoso café, logo após a sua chegada. Nunca me esquecerei deste momento onde ele me cumprimentou e disse: “- Nossa Jorge, pensei que você teria 50 anos. O jeito que você escreve é de um professor de literatura de meia-idade!”. Isso me arrepiou. E a esposa dele então, uma pessoa queridíssima, super simples e carismática, D. Lucia Verissimo.

       

O jantar foi outro momento único. Depois de uma noite cansativa, mas proveitosa, fomos a um restaurante da região (eleito um dos melhores pela revista Veja). A comida estupendamente saborosa, o ambiente agradabilíssimo.

No outro dia, os autógrafos e a despedida. Um sonho que eu planejara em quatro meses estava prestes a terminar.

  

Não há um dia em que não me lembre destes momentos. As conversas ainda estão frescas em minha mente. Os parabéns ainda soam. E o sentimento de que tudo pareceu um sonho, perdura.

Anúncios

About jorgedoprado

Doutorando em Ciência da Informação (UFSC), Mestre em Gestão de Unidades de Informação (UDESC), Bacharel em Biblioteconomia (UDESC). Ver todos os artigos de jorgedoprado

2 responses to “Um encontro com Verissimo

  • L.:.I.:.F

    Sim, esse dia ainda vaga minha lembrança. Todos anciosos para a chegada do Luiz Fernando Veríssimo.. estavam prometendo esse dia há( mais ou menos) 6 anos. Bom trabalho!

    Caro LIF, por favor, queira mandar um e-mail identificando-se. Acho que não há o porquê de não se apresentar.
    Obrigado
    Jorge

  • Franciele Fossile

    Que legal Jorge um espaço seu na net…
    Parabens, tudo de bom pra ti…
    Abraços Franci.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: